CAMPANHA SETEMBRO AMARELO - SUA VIDA TEM VALOR

Imprimir: CAMPANHA SETEMBRO AMARELO - SUA VIDA TEM VALOR Compartilhamento: CAMPANHA SETEMBRO AMARELO - SUA VIDA TEM VALOR CAMPANHA SETEMBRO AMARELO - SUA VIDA TEM VALOR CAMPANHA SETEMBRO AMARELO - SUA VIDA TEM VALOR CAMPANHA SETEMBRO AMARELO - SUA VIDA TEM VALOR
Publicado : 03/10/2019 - Atualizado às : 17:11:07
O Programa AGU Mais Vida, com o apoio da ASCOM e da Escola da AGU, está promovendo neste mês de setembro de 2019 a campanha Setembro Amarelo - Sua Vida tem Valor. A campanha iniciou oficialmente no dia 10 de setembro, com a montagem de duas árvores de Ipês Amarelos nas entradas dos edifícios-sede I e II, em Brasília/DF, contendo mensagens de incentivo à preservação e à melhoria da saúde mental. Quem passou pelo local pôde retirar uma mensagem e compartilhar com colegas de trabalho, amigos e familiares. A ideia é que as pessoas possam conversar entre si sobre a importância dos cuidados com a saúde mental. No dia 18 de setembro, o professor, filósofo e coach Rildo Moraes, palestrou para um público recorde no auditório da EAGU em Brasília. Os presentes lotaram o auditório com capacidade para 200 (duzentas) pessoas, e mais de 140 (cento e quarenta) assistiram à palestra com transmissão simultânea para todas as unidades da AGU, através da TV Escola. O profissional ensinou a técnica chinesa de defesa psicológica Kyan-pô, que apresenta formas de equilíbrio e de controle de impulsos em situações perigosas. A campanha deste ano foi encerrada no dia 30 de setembro, com mais uma importante palestra com o psicólogo Vitor Barros Rego, mestre em Psicologia Social, do Trabalho e Organizações, e conselheiro do Conselho Regional de Psicologia do DF. Com o tema Suicídio: falar é o melhor remédio. Segundo a equipe do AGU Mais Vida, a palestra contou com 60 participantes presenciais e outros 74 assistiram via TV Escola. Os ouvintes desta última palestra receberão certificado de participação, pois com esta ação pretende-se buscar apoiadores (membros e servidores), e capacitá-los para lidarem com situações de sofrimento psíquico na equipe, encaminhando adequadamente os casos identificados.
 
« Notícia anterior