AGU estudará possibilidade de conciliação em litígio envolvendo ferrovia no RS

Imprimir: AGU estudará possibilidade de conciliação em litígio envolvendo ferrovia no RS Compartilhamento: AGU estudará possibilidade de conciliação em litígio envolvendo ferrovia no RS AGU estudará possibilidade de conciliação em litígio envolvendo ferrovia no RS AGU estudará possibilidade de conciliação em litígio envolvendo ferrovia no RS AGU estudará possibilidade de conciliação em litígio envolvendo ferrovia no RS
Publicado : 14/06/2018 - Alterado : 15/06/2018

Foto: Daniel Estevão/AscomAGU
Foto: Daniel Estevão/AscomAGU

A Advocacia-Geral da União (AGU) irá avaliar a possibilidade de encontrar uma solução conciliatória para disputa judicial envolvendo a empresa Rumo Logística e cerca de 700 famílias de Cruz Alta (RS). O litígio envolve ações de desapropriações e demolições ajuizadas pela empresa, dona de concessão de ferrovia que passa pelo município, e proprietários de imóveis localizados nos arredores dos trilhos.

O compromisso de analisar o caso foi assumido pela advogada-geral da União, ministra Grace Mendonça, durante reunião realizada nesta quinta-feira (14/06) com parlamentares gaúchos e autoridades municipais, que estão preocupados com a situação das famílias afetadas. A AGU irá, agora, consultar os proprietários de imóveis e as entidades públicas cujas atribuições estão relacionadas ao transporte por ferrovias, como a Agência Nacional de Transportes Terrestres (ANTT) e o Departamento Nacional de Infraestrutura de Transportes (Dnit).

Além da ministra, participaram do encontro a senadora Ana Amélia, o deputado federal Darcísio Perondi, o deputado estadual Pedro Westphalen, o prefeito de Tupanciretã, Roberto Carlos Augusto, o prefeito de Cruz Alta (RS), Vilson Roberto, e a presidente da Câmara de Vereadores do município, Paula Librelotto, além de outros vereadores e representantes dos moradores.


 
« Notícia anterior
 
Próxima notícia »